Número total de visualizações de página

quarta-feira, 28 de março de 2012

O Tempo ordena....


O Confessionário de Portimão não morreu, não padece de alguma doença, padece somente de falta de Tempo, e falando em Tempo, em breve estará volta.

O tempo ordena….

terça-feira, 13 de março de 2012

Quem assume o Desastre ?????



Quem assume o desastre?
 Torna-se uma questão cada vez mais pertinente na medida em que todos  ( membros do Regime ) dele querem fugir, depois de arruinarem a economia  do Município de Portimão.
O Sr. Presidente da Câmara faz de conta que não deve a ninguém, quando os credores não lhe largam a porta, a janela, o telefone, o fax, o telemóvel, o email e a imagem.
O Sr. Vice Presidente faz de conta que é cego, mudo e surdo no que concerne o problema, e com sua retórica, aparenta viver noutro Município que não Portimão. Onde nunca viveu, nem nunca foi autarca, muito menos responsável pela situação a que Portimão chegou.
A restante vereação do Regime, uns tentam limpar a imagem, provavelmente a pensar noutros voos, outros pensam em fugir deste Regime e coligar-se a outro da mesma cor, doente da mesma doença;
Alguns outros autarcas padecem de  Alzaimer esquecem-se que também ajudaram a provocar o desaire com suas deliberações.
Os restantes apoiantes , ou melhor empregados, não podem ignorar que ajudaram a destruir um sector empresarial local, levando-o à falência .
Desta família nada sobra…
Estamos em tempo de pensar noutra família. Provavelmente aquela que sempre falou a verdade e que nunca em tempo algum enganou os Portimonenses.

Luís Miguel Martins

domingo, 11 de março de 2012

Confessionário oferece T-shirt ao Regime


Perante os constantes compromissos não honrados;

Perante os salários em atraso;

Perante o número crescente de acçoes intentadas pelos credores;

Perante as expectáveis penhoras que se avizinham.

Perante todos estes factos o Confessionário de Portimão vai oferecer t-shirt ao Regime vigente.

Xarope Vergonha na Cara




90 professores com vencimentos em atraso, fruto da (in)gestão do Regime vigente em Portimão.

Perante este facto o Confessionário de Portimão foi à farmácia e comprou o xarope “ Vergonha na Cara” .

Quem arruinou Portimão não poderá fazer parte da solução.