Número total de visualizações de página

quinta-feira, 20 de maio de 2010

300.º membro do grupo “Não à criação da discoteca Sasha empresa Municipal E. M” .


O grupo “Não à criação da discoteca Sasha empresa Municipal E. M” já conta com mais de 300 membros.

São mais de 300 vozes que se uniram para exigir mais rigor, seriedade e respeito pelo dinheiro público provindo dos nossos impostos e administrados pelos Governantes locais e nacionais.

O que começou por ser uma exigência pelo não dispêndio de capitais públicos por parte do Município de Portimão, através da sua empresa municipal numa discoteca, onde claramente não se afigura o interesse público, bem como a concorrência directa com os empresário privados, ainda que mantendo essa contenda, tem assumido uma direcção mais abrangente, visando todo o dispêndio de dinheiros públicos que não sejam destinados para a satisfação das necessidades da colectividade e representem bens e equipamentos supérfluos.

Hoje em dia não dizemos somente “Não à criação da discoteca Sasha empresa Municipal E. M”, mas igualmente gritamos a alta voz, aos governantes locais e nacionais, RESPEITEM e DIGNIFIQUEM o dinheiro provindo dos nossos imposto.
Caso concorde com o acima mencionado, junte-se a nós no faceBook e seja mais uma voz a exigir Respeito e Dignidade pela gestão dos "nossos" dinheiros públicos.

A todos os membros um elevado reconhecimento pela V/participação.

Luís Miguel Martins

Sem comentários:

Enviar um comentário

Por motivos que se prendem com a falta de ligação entre os comentários e os Post colocados e outros, doravante todos os comentários serão previamente considerados.