Número total de visualizações de página

sexta-feira, 15 de fevereiro de 2013

Começa a doer...




Os despedimentos não se ficarão somente pela Portimão Urbis…

Nos tempos que correm, falam da Portimão Urbis e dos hipotéticos despedimentos com estupefacção, supressa e até alguma estranheza.

Essa empresa, bem como todos as outras do sector empresarial autárquico do Município de Portimão, serviram somente para quatro coisinhas ao longo da sua existência e galopante endividamento: Desorçamentação, contratação dos amigos Socialistas e respectivos familiares, financiamento bancário e contratação de empresas amigas do Regime.

Desde o seu inicio que o PSD\Portimão e o Confessionário têm denunciado essa triste realidade. Bem como, desce 2009\10 temos vindo a avisar que despedimentos serão não só necessários como inevitáveis, perante tamanha (in)gestão do regime socialista.

A existir despedimentos que não se ficarão somente pela Portimão Urbis, a responsabilidade é inteiramente da família Socialista.



Luís Miguel Martins

Sem comentários:

Enviar um comentário

Por motivos que se prendem com a falta de ligação entre os comentários e os Post colocados e outros, doravante todos os comentários serão previamente considerados.