Número total de visualizações de página

segunda-feira, 23 de janeiro de 2012

Só existe um caminho. O caminho da Verdade...



No seguimento de um determinado texto, recentemente publicado, que tem sido alvo dos mais diversos comentários nos últimos dias em Portimão e nomeadamente no mundo cibernauta, sobre uma Sra. Vereadora Socialista do executivo da Câmara Municipal de Portimão  que opina ser contra as empresas municipais e designadamente contra o sector empresarial local de Portimão conforme foi constituído, relembro, porque sou como o elefante tenho uma memória intemporal, que os vereadores do Partido Social Democrata, Dr. José Dias e Dra. Olga Brito, haviam já em 20 de Julho de 2011, apresentado proposta para a extinção da empresa municipal Portimão Urbis. Naquele dia a ilustre Sra. Vereadora votou contra a sua extinção.

E esta heim…

A coerência também faz falta na política…

Excerto da acta da reunião da Câmara de 20.07.2011:

“Dr.ª Olga Brito, que a seguir se transcreve:--------------------------------
-----------------------------------------PROPOSTA -----------------------------------
Face à descuidada execução orçamental da despesa e à fraca receita arrecadada
pelo Município. ---------------------------------------------------------------------
Face às novas alterações, que se esperam, na governança local e que forçosamente
irão ser introduzidas e aplicadas na gestão municipal, propomos:
As competências que actualmente recaem sobre a empresa municipal – Portimão Urbis SGRU SA, EM, regressem imediatamente ao município e que a referida empresa seja extinta.-DELIBERAÇÃO N.º 542/11: A Câmara delibera rejeitar, por maioria, com 3 (três) votos contra dos Sr.s Vereadores do PS (Dr. Luís Carito, Dr.ª Isabel Guerreiro e Sr. Sobral Luís) a proposta apresentada pelos Sr. Vereadores do PSD, Dr. José Dias e Dr.ª Olga Brito e aprovar, por maioria, com 2 (dois) votos CONTRA, (Srs. Vereadores do PSD, Dr. José Dias e Dr.ª Olga Brito), a constituição do fundo imobiliário e nomear o Sr. Presidente da Câmara pararepresentar o Município na Assembleia Geral da Sociedade.-----------“


Luís Miguel Martins


2 comentários:

  1. Obrigado pela lembrança Martins, realmente algumas pessoas devem comer toneladas de queijo.
    Sinceramente só espero que os Portimonenses não tenham a memória fraca e na altura de decidir que não se esqueçam do que os Socialistas disseram, mas antes do que eles fizeram.
    J.P

    ResponderEliminar
  2. Imagino que se impunha uma nova proposta de extinção da Urbis para ver se a Sra. Vereadora Isabel Guerreiro vota coerentemente com a sua nova opinião expressa no artigo.

    ResponderEliminar

Por motivos que se prendem com a falta de ligação entre os comentários e os Post colocados e outros, doravante todos os comentários serão previamente considerados.