Número total de visualizações de página

segunda-feira, 28 de março de 2011

Novo Regulamento de Taxas proposto pelo Executivo Socialista é um ASSALTO aos Portimonenses




Depois de muita festa, foguetes, festanças e churrascadas, de muito compadrio, contratarem os amigos e filhos dos amigos ( rosas obviamente ) para a Câmara e empresas municipais, contratarem por Ajuste Directo as empresas amigas em detrimento de todas as outras sem considerar o Concurso Público, eis que o Município de Portimão está “falido” ou melhor insolvente, com um passivo de curto prazo de 254 Milhões euros ( em Dezembro último ), dividas de factoring na ordem dos 79 Milhões de euros ( em Dezembro ùltimo ) e as contas da Portimão Urbis E.M continuam escondidas.


Nesse sentido, depois de falir o Município de Portimão, o Executivo Socialista sem alternativa, pois recusou o plano de recuperação municipal intentado por toda a oposição em Setembro último, prepara-se para falir as empresas e famílias Portimonenses e destruir de uma vez por toda o mercado imobiliário, com a novo Regulamento de Tabela Taxas e Tarifas de Portimão, senão vejamos alguns exemplos:



--Despesa------------Medida----------Modalidade--------valor


----Toldos-----------------M2----------------ano---------------15,15 €


---Antenas----------------M2----------------ano----------------7,55 €


-Ar Condicionado----------Unidade-----------ano----------------34,95 €


-Antena Parabólica----------Unidade----------ano----------------80,50 €


-Flores Envasadas------------M2--------------mês---------------6,50 €


------Arcas Gelados------------M2-------------mês---------------7,65 €


------Grelhadores--------------M2-------------mês---------------7,65 €



Se juntarmos a isto o facto do Executivo Socialista ter subido para a taxa máxima o I.M.I, de querer aprovar um Plano de Saneamento Financeiro, o 3.º diga-se onde que alienar 49% da EMARP, alienar o Património Municipal sem dizer qual nem identificar os encargos inerentes e contrair um mútuo bancário de 95 Milhões de euros, apenas digo que é o ASSALTO FINAL.


Os Portimonenses, os empresários, as empresas e os proprietários de imóveis em Portimão vão ser mensalmente ou anualmente ASSALTADOS e tudo em nome da festa e dos foguetes.


Não se deixem ASSALTAR compareçam na próxima Sessão Extraordinária da Assembleia Municipal no próximo dia 30 de Março e mostrem vosso/nosso desagrado perante este ASSALTO, senão qualquer dia a Luz apaga-se de vez.



Luís Miguel Martins




1 comentário:

  1. AH AH AH AH AH AH
    ANEDOOOOOOOOOOOOOOTTTTTTTTTTTTTTAAAAAAAAAAAA




    MONICA REIS

    ResponderEliminar

Por motivos que se prendem com a falta de ligação entre os comentários e os Post colocados e outros, doravante todos os comentários serão previamente considerados.